Quando você precisa resolver um problema gerencial, você soluciona junto com a sua própria equipe ou contrata profissionais especialistas no assunto para te orientar?

Esse tema divide muito a opinião de líderes e gestores, na medida que a contratação ou não de terceiros envolve diversos fatores, como: custo e benefício, confiança e inovação.

Sua empresa está passando por esse dilema? Não se preocupe! Nesse post vou te mostrar 05 situações que a consultoria é a melhor opção.

Confira:

 

Mas afinal, o que é consultoria?

A consultoria é um serviço que fornece orientação para os gestores e empresários de uma empresa a fim de auxiliar na resolução de problemas gerenciais ou promover melhorias no processo produtivo.

De modo geral, ela tem como objetivo identificar quais são as principais necessidades de uma organização, propor soluções e recomendar ações, de acordo com a necessidade específica de cada cliente.

Podemos comparar consultoria com um médico: ambos estudam sintomas de quando algo não está indo bem e propõe tratamentos para o quadro melhorar.

Além disso, ela proporciona diversos benefícios para a organização contratante, sendo os principais:

  • Inovação: a consultoria proporciona novos conhecimentos e opiniões e diferentes experiências para a empresa;
  • Foco: a consultoria auxilia a organização manter e/ou recuperar o foco da sua principal atividade e alcançar seu objetivo;
  • Acertos: a consultoria também aumenta o número de acertos de uma tomada de decisão, evitando que erros e atrasos possam acontecer;
  • Neutralidade: o consultor, por não fazer parte integrante da empresa, é neutro em relação aos colaboradores.

Mas é importante salientar que o papel do consultor é apenas apontar um caminho e sugerir alternativas para a resolução do problema. Os responsáveis pela aplicação de todas as metodologias ensinadas, junto aos seus colaboradores, são os líderes e gestores da organização.

Comprometimento é tudo pessoal! ?

 

05 Sinais que sua empresa precisa de uma consultoria

Estagnação empresarial:

No mercado de alta competitividade e alta concorrência no qual estamos inseridos hoje em dia, crescer e fugir da estagnação é um dos maiores desafios das empresas atuais.

Nesse contexto, organizações que possuem soluções inovadoras e que supram as necessidades dos clientes conseguem se destacar e obter uma maior fatia de mercado.

Mas você sabe quais passos seguir para desenvolver projetos inovadores e diferentes?

É nesse ponto que uma consultoria pode te orientar!

Através de um olhar imparcial e especializado de um consultor, bem como toda sua experiência, ele possui estratégias e conhecimentos específicos e que servem de base para você começar um novo projeto e fugir da estagnação!

Falta de informação para tomar decisões:

Fazer a contabilidade de uma empresa é importante não apenas para entregar e transmitir declarações para o Governo ou para a Receita Federal.

Você sabia que ela também pode ajudar na tomada de decisão de um gestor e ainda servir de base para o planejamento de um projeto?

Isso acontece porque a área contábil recebe e registra todos os dados comerciais, financeiros e trabalhista de uma empresa em suas declarações, balanços e balancetes.

Mas entender e saber como utilizar esses dados de maneira eficiente e eficaz não é uma tarefa fácil, requer muito conhecimento contábil, fiscal, econômico e do mercado atuante.

E é aí que entra o papel de uma consultoria de contabilidade: fornecer os dados contábeis e traduzi-los para toda a empresa, de forma com que os gestores possam utiliza-los em seus projetos.

 

Sua empresa está pagando muitos impostos:

Uma empresa precisa pagar muitos tributos ao Governo, não é mesmo?

Esses impostos podem ser federais, estaduais ou municipais. Mas será que o Regime Tributário escolhido pela sua organização é o melhor em custo e benefício?

Será que todas essas taxas estão sendo pagas corretamente e no tempo determinado? Ou será que há outros motivos para esses números serem tão altos?

Contratar uma consultoria para orientar e planejar a área tributária da sua organização é uma ótima chance para analisar se ainda é viável continuar com o Regime Tributário atual e ainda verificar se todos os prazos e atualizações estão sendo cumpridos de forma correta.

 

Baixa produtividade:

Você possui um time qualificado e eficiente, mas os resultados no final do mês não são os esperados pela empresa?

Os motivos para que esse problema tenha chegado a esse ponto, podem ser diversos, como: desmotivação dos funcionários, má distribuição das atividades, conflitos na equipe, …

Quando uma consultoria é contratada para essa ocasião, o consultor consegue identificar o problema que está diminuindo a produtividade dos seus funcionários e ainda propor soluções para não só voltar aos índices de produtividades, como também aumenta-la.

 

Seu faturamento está diminuindo:

O faturamento mensal da sua empresa vem decrescendo cada vez mais? Este é um sinal que a saúde financeira da sua empresa não está indo bem e que em breve, refletirá no desenvolvimento da sua organização.

Desconhecer o motivo que está levando a queda financeira pode ser muito perigoso, na medida em que soluções e investimento em áreas erradas podem piorar ainda mais a situação.

Fazer um trabalho com a ajuda de um consultor para identificar possíveis lacunas na gestão financeira da sua empresa pode salvar o seu negócio e ainda fazer com que ele produza muito mais! #Ficaadica

 

Tipos de Consultoria

Depois de entender a importância da consultoria na resolução de problemas, é importante que você defina como será sua contratação.

De modo geral, ela pode ser externa ou interna, vamos ver suas principais diferenças?

Consultoria Externa:

A consultoria externa é aquela realizada por um consultor externo, ou seja, um profissional habilitado a ajudar a empresa, mas que não é funcionário da mesma.

Ela tem como objetivo apoiar, ajudar e assessorar um negócio e propor soluções para as dificuldades e problemas encontrados.

 

Consultoria Interna:

Já a consultoria interna, é aquela realizada por um consultor que trabalha ativamente dentro da própria empresa.

Esse profissional possui vínculo empregatício e se dedica exclusivamente a organização em que trabalha.

Por isso, ele conhece profundamente todas as demandas, processos internos e funcionários atuantes em cada departamento.

 

Considerações finais

O último detalhe que eu deixei para comentar é que a consultoria orienta empresas de acordo com o problema específico de cada uma, ou seja, dificilmente a solução encontrada para uma organização será utilizada para outra.

Essa diferenciação é o que torna a consultoria um serviço tão eficiente e único!

Você já utilizou o serviço de alguma consultoria ou pretender contratar uma? Então conta para a gente a sua experiência! Envie um e-mail para: [email protected] ou entre em contato com a gente pelas nossas redes sociais: Linkedin, Facebook e Twitter.

Para finalizar e te deixar ainda mais atualizado, você já conferiu as mudanças que foram feitas no IRPF 2018? Seu prazo de entrega já está se esgotando!

Dê uma olhadinha lá para não esquecer de nenhum detalhe e até a próxima! ??

 

Por Cinthia Sayuri, departamento de Marketing da Direto Contabilidade, Gestão e Consultoria