Descubra como a Direto
vai agilizar sua vida!

    COMO FAZER UM FLUXO DE CAIXA PARA PEQUENAS EMPRESAS

    COMO FAZER UM FLUXO DE CAIXA PARA PEQUENAS EMPRESAS

    Muitos dos empreendedores se assustam só de ouvir falar sobre fluxo de caixa, alguns por  não saberem por onde começar e outros por não entenderem a real importância que um fluxo de caixa bem estruturado pode trazer para o  negócio.

    Uma empresa que está sempre enfrentando dificuldades para pagar as contas ou está buscando novas fontes de receita, por exemplo, empréstimos, cheque especial, troca de cheque, são sintomas graves de um desequilíbrio financeiro.

    POR ISSO, ATENÇÃO!

    Na rotina diária de uma empresa, a organização é indispensável, principalmente na área financeira.O empreendedor que tem o suporte dessa ferramenta estará sempre à frente dos concorrentes

    Pensando nisso, fizemos esse artigo para lhe ajudar a entender o que é um fluxo de caixa e como esta ferramenta pode ajudar na organização e na gestão do seu negócio. Confira agora mesmo!

     

    O QUE É FLUXO DE CAIXA EFICIENTE?

     

    Você sabe que para  um negócio dar certo é preciso gerar resultados positivos, não é mesmo

    Entretanto, é importante frisar que a análise dos relatórios contábeis deve estar sempre acompanhada da análise dos relatórios gerenciais, o fluxo de caixa é um destes relatórios e é o responsável por auxiliar o gestor a controlar todas as entradas e saídas da empresa. Para uma excelente administração é preciso colocar todos os detalhes com disciplina e organização. 

    Quando um gestor consegue administrar corretamente, automaticamente ele passa a desenvolver estratégias para curto e longo prazo e assim tem uma visão mais precisa do seu negócio. 

     

    QUAIS SÃO OS BENEFÍCIOS DE UM FLUXO DE CAIXA?

    Já sabemos que um fluxo de caixa é uma ferramenta extremamente importante para as pequenas empresas. Afinal, fazer um fluxo de caixa bem estruturado é indispensável principalmente, porque os benefícios são imagináveis para o negócio. 

    Vamos falar agora, sobre alguns benefícios que um fluxo de caixa bem estruturado pode trazer para seu negócio. 

    1. Você conseguirá verificar se os saldos serão suficiente  para as operações diárias da empresa e se será preciso buscar novas fontes.
    2. Passará a ter mais segurança para analisar e calcular o preço da venda.
    3. Conseguirá ver se as vendas conseguem cobrir os gastos da empresa.
    4. Poderá prever problemas com antecedência.
    5. Encontrará possíveis sobras dentro do caixa para fazer novos investimentos

    Lembre-se, para que todos os resultados sejam atingidos é preciso manter as anotações periodicamente, sem esquecer nenhuma. 

     

    COMO FAZER UM FLUXO DE CAIXA?

    Agora que você já entendeu o que é um fluxo de caixa e seus benefícios, finalmente está na hora de saber como você pode fazer um fluxo de caixa, principalmente se você for pequena empresa, que no caso se torna mais importante ainda.

    Vamos lá?

    1. Registre os recebimentos
      Esse é o momento que você registra tudo o que a empresa tem a receber, sejam eles pagamentos, quitação de dívidas, serviços ou produtos. Entretanto a grande maioria das entradas vêm por vendas, portanto é possível que tenha uma variação.
      Para que nada seja esquecido, é fundamental que você faça anotações todos os dias.
    2.  Anote os  pagamentos
      Esse é o momento que são registradas todas as saídas do dinheiro da empresa. Sempre estime as que ainda virão, como por exemplo o conta de água, luz, telefone, pagamento dos funcionários, fornecedores, despesas bancárias e financeiras, e etc…
      Tente conhecer o tempo de cada conta, suas datas, vencimentos, ajustes, juros e outros. Pense da maneira mais detalhada possível.
    3. Marque o que está previsto
      Agora é o momento de registrar tudo o que está previsto a acontecer. Utilize como base a média de vendas realizadas. Acrescente também os meses mais movimentados e os que não são para tirar uma média
      Depois de ter preenchido todas as lacunas, mantenha todos separados e bem organizados, nesse momento toda organização é constante.
      É normal parecer difícil o preenchimento dos dados no começo, faz parte do processo e tenho certeza que em pouco tempo os resultados serão atingidos.

     

    Feito isso que mostramos acima,  você deve partir para as análises dos resultados e usar esta ferramenta como  uma das formas de avaliar se a sua empresa está dando lucro ou prejuízo. 

    AINDA COM DÚVIDAS?

    Nós entendemos perfeitamente que aplicar e produzir um fluxo de caixa é bastante trabalhoso e que precisa ter muitos detalhes.

    Ficou com alguma dúvida? Não se preocupe, nossa intenção aqui é te ajudar a alcançar seus objetivos.

    Quer ter acesso a um planilha de fluxo de caixa completa? Mande um e-mail para [email protected] que eu envio a você! É rapidinho e deixará você ainda mais preparado para começar o seu fluxo de uma vez por todas.

    Share on facebook
    Facebook
    Share on google
    Google+
    Share on twitter
    Twitter
    Share on linkedin
    LinkedIn

    Outros artigos que podem te interessar

    Tipos Societários e Regimes Tributários – Conheça as diferenças!

    Na maioria das vezes, o empreendedor, já decidido em montar o seu próprio negócio, se depara com uma vasta quantidade de informações sobre o assunto. São diversos procedimentos e termos empresariais que acabam deixando esse novo empresário confuso sobre qual, efetivamente, é o primeiro passo a ser dado para que a abertura de sua empresa

    Outros artigos que podem te interessar

    Assine nossa Newsletter

    Gostaria de saber mais sobre o assunto?